Home Tutoriais Tecnologia Como fazer temas para o Tumblr


Fazer um bom tema no Tumblr pode não ser uma tarefa simples mesmo para quem não tem habilidades com HTML e CSS. Diferente do WordPress, tudo é resolvido com apenas uma página de código, e algumas pequenas mudanças. Mas se você ainda não sabe como proceder, fique atento, pois o TechTudo vai te ensinar como fazer temas para o Tumblr.

Assim como no WordPress, é necessário antes estudar como funciona a estrutura oferecida pelo Tumblr. Como comentamos antes, tudo é feito em uma única página de código, incluindo aí as definições de estilo por meio de código CSS. A maior preocupação reside em montar uma estrutura para cada um dos 10 tipos diferentes de conteúdo suportado pelo Tumblr: Posts, Texto, Fotos, Set de Fotos, Citações, Links, Chat, Audio, Vídeo e Respostas. Parece complicado, mas na verdade é bem fácil conseguir informações de como proceder.

O melhor e mais indicado local para isso é a própria página do serviço que explica como proceder na construção de um tema. Acessando este link você terá instruções precisas de como funcionam os diferentes tipos de posts dentro do serviço. É importante ter o conhecimento prévio de HTML e CSS, já que todo o tema é criado por meio de códigos, não havendo, por enquanto, uma maneira visual 100% eficiente e diversificada para que este tipo de trabalho seja feito com a exatidão necessária. Pronto para seguir os passos? Então vamos lá:
Passo 1. Ao logar no Tumblr, é necessário que você entre na área de configurações do seu blog. No menu esquerdo ficarão listados todos as páginas veiculadas à sua conta no Tumblr. Escolha o que você deseja alterar e na área Tema, no centro, clique em personalizar.
Passo 2. Após isso, você será transportado para a área de customização de temas do seu blog. Tudo o que você precisa fazer agora é clicar no botão “Editar HTML”, ao lado do nome do seu tema atual.

Passo 3. Uma janela será mostrada, com uma série de códigos já determinados. Este código é relacionado ao seu tema atual, e tudo o que você precisa fazer é começar a digitar o seu próprio código. É possível, inclusive, usar o tema já instalado como base para as suas modificações. No entanto, o essencial é começar realmente do zero, de modo que nenhuma modificação prévia possa afetar o resultado final desejado.

Passo 4. A primeira coisa que o usuário precisa ter em mente é a definição das variáveis do seu tema. Elas permitem que informações dinâmicas sejam mostradas no seu Tumblr, tal como o Título do Blog, sua descrição básica, e o principal, os códigos de CSS que determinarão todo o visual do tema em questão. O ideal é modificar aos poucos o código e clicar em Update Preview, no alto da caixa de edição. Isso fará com que os resultados de suas alterações sejam mostrados na direita;

Passo 5. Existe um conceito que é imprescindível no Tumblr: o de blocos. Cada bloco possui a sua função, e é necessário criar cada um deles no código do seu tema de forma ordenada. Os itens do conceito de blocos são:

Text: Permite que você crie textos longos ou curtos, seguindo uma formatação previamente definida pela sua marcação em CSS. Não é muito comum o uso deste tipo de recurso no Tumblr, que já se mostrou uma ferramenta de blog mais rápida e visual, mas ainda assim, é bom investir um tempo definindo bem a formatação dos textos que serão postados;

Photo: Um dos tipos de post mais utilizados no Tumblr, dada a facilidade em compartilhar imagens na plataforma, ou até mesmo realizar o upload direto de um dispositivo móvel. Mais uma vez, é importante não só definir como a imagem será exibida, mas se ela será acompanhada de algum tipo de recurso extra, como bordas e outras opções de formatação, algo que também é definido previamente pela marcação CSS;

Quote: Uma simples citação. Geralmente são textos curtos, representando a fala de alguma pessoa, mostrados entre grandes aspas;

Link: Como o nome sugere, este tipo de post permite que você compartilhe um link qualquer. A preocupação, mais uma vez, fica por conta de como esta URL será vista pelos outros usuários;

Chat: Uma ferramenta de posts que tem um uso bastante específico e limitado, mas que algumas pessoas costumam utilizar na tentativa de reproduzir conversas, sejam elas feitas na Internet ou não;

Audio: Quer compartilhar um som novo feito por você ou um amigo? Então este é o tipo de post que você procura. O Tumblr já possui uma ferramenta de player próprio para este tipo de conteúdo, então basta você dizer ao tema como este dispositivo será mostrado no layout;

Video: Bem semelhante ao post anterior, com a diferença de que é possível não só usar o próprio player do Tumblr nos uploads, como também links direto do YouTube ou Vimeo;

Answer: Com este bloco, é possível responder a perguntas feitas por seus seguidores, por meio do próprio sistema de contato do Tumblr;

Cada bloco de código tem sua função no tema do Tumblr (Foto: Reproducao)
Cada bloco de código tem sua função no tema do Tumblr (Foto: Reprodução)

Passo 6. É necessário recorrer à página do Tumblr que explica a estrutura de cada tipo de post, de maneira que todos eles sejam perfeitamente visualizados em seu tema. E mesmo que você não utilize estes recursos, o ideal é criar todos os tipos de blocos possíveis, já que outros usuários que fizerem uso do seu trabalho podem muito bem sentir falta de um ou outro bloco;

Passo 7. Existem ainda outros recursos inerentes ao Tumblr que precisam ser explorados por quem deseja fazer um bom tema para o serviço. O ideal é investir tempo na criação de uma navegação que seja criativa, assim como a forma com que os posts são mostrados. Quem possui algum contato com o Tumblr, já deve ter percebido que alguns temas permitem a visualização das postagens ordenadas de forma horizontal, e não totalmente vertical, como é o mais comum. O ideal é colocar a criatividade para trabalhar, buscando soluções que valorizem o seu tema;

Passo 8. E por fim, caso você tenha dúvidas sobre a criação de temas, uma boa dica é consultar um tema que seja do seu gosto e tentar entender como o autor chegou àquele resultado. No início você pode até ter alguma dificuldade, mas com o tempo vai acabar descobrindo alguns “macetes”, tornando o processo de criação mais dinâmico e rápido.

Desenvolver temas para o Tumblr, pode não ser uma tarefa tão fácil para quem não tem um bom conhecimento de HTML e CSS, mas é um excelente exercício para quem está estudando ambas as linguagens. Basta seguir as dicas dadas pela página oficial do serviço, estudar o funcionamento de temas feitos por outros usuários e testar todas as ideias que surgirem na sua cabeça. Com um pouco de prática, é possível aprender bastante, além de conseguir excelentes resultados.

Fonte: http://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/noticia/2012/10/como-fazer-temas-para-o-tumblr.html

   
Similar articles

Leave a Reply

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.