Home Tutoriais Gerência de TI Conhecendo as Novidades do SCOM 2007


Como pudemos ver no artigo anterior, o SCOM 2007 passou por uma grande atualização desde o MOM 2005, tanto que pode ser considerado outro produto, e acreditem o MOM e o SCOM funcionam perfeitamente instalados no mesmo servidor e sem conflitos. É realmente são produtos distintos. Mas o melhor de tudo é que com o lançamento do SCOM muito do que tínhamos no MOM foi melhorado e algumas novidades surgiram para nos facilitar a vida. No tópico abaixo veremos cada uma destas novidades.

 

Entendendo as novidades

Para ficar mais fácil entendermos as novidades do SCOM eu separei cada um dos principais itens em duas categorias e com uma breve explicação também.

 

Melhorias

Características que foram herdadas do MOM 2005, mas que sofreram mudanças significativas.

 

Management Pack: Uma das maiores novidades com relação aos MPs é que agora eles são mais bem controlados, através de versões. Quando você altera um MP uma nova versão do mesmo é criada e assim se algum dia precisar fazer o upgrade deste MP suas alterações não serão subscritas, entre outras novidades, mas esta merece destaque.

 

Reporting: Os dados agora não precisam passar primeiro pela base do Operations Manager, eles são enviados simultaneamente para o Operations Manager Database e a Reporting Database, com isso os relatórios estarão com os dados sempre atualizados e podem ser visualizados através da própria console.

 

Operation Console: As melhorias aqui foram muitas, desde o layout totalmente reformulado, agora está mais intuitivo, até a possibilidade de se trabalhar com perfis diferentes. Estes tipos diferentes de perfis trazem a possibilidade de setar permissões diferentes, deixando a administração granular. Algo bem interessante também é a possibilidade de personalizar sua console com o My Workspace.

 

Adições

Novas funcionalidades presentes apenas no SCOM 2007.

 

Client Monitoring: Escolhi esta como a primeira das novidades a ser comentada porque aqui está algo que sempre buscávamos, com o SCOM 2007 temos o suporte oficial de monitoramento para clientes. Agora é possível gerenciar todas as máquinas da organização, uma ajuda e tanto. Mais pra frente iremos aprender sobre os dois principais componentes desta função, Agentless Exception Monitoring (AEM) e Customer Experience Improvement Program (CEIP), aguardem.

 

Audit Collection: Esta é uma das mais interessantes novidades no SCOM, com ela você pode gerenciar os logs de segurança dos computadores que são críticos para o seu negócio. Este tipo de atividade não só é imposta por clientes internos como também por normas de regulamentação. Funcionalidade destinada à conformidade com a SOX.

 

ADDS Integration: Existe agora uma integração maior com o AD, o Active Directory Domain Services auxilia o SCOM 2007 na tarefa de distribuir configurações para os agentes instalados nos computadores, na delegação de perfis com permissões diferentes no SCOM através de grupos de segurança, autenticação e autorização, reduzindo e muita as tarefas administrativas relacionadas. Vale lembrar que se um computador gerenciado pelo SCOM não estiver no domínio do Management Group ele não poderá ser administrado pelo AD e sim pela console do SCOM apenas.

 

Manage SNMP-Enabled Devices and Computers Not Running Windows: Uma função muito bacana é esta que permite gerenciar dispositivos através do protocolo SNMP. Isso se aplica á computadores sem o Windows e também a hardware como roteadores e servidores de impressão, por exemplo, os dados são coletados a partir de eventos SNMP.

 

Self-Tuning Threshold (STT): Agora é possível monitorar atividades de computadores como a utilização de processador, por exemplo, de forma mais intuitiva e dinâmica, não havendo mais a necessidade de configurações totalmente manuais.

 

Health Explorer: Com esta funcionalidade é possível explorar os dados monitorados e realizar tarefas em cima de alertas gerados, saber quais os serviços estão ligados com determinada falha e também poder ver um histórico de diagnósticos. O mais legal de tudo é que existem artigos como uma base de conhecimento que você poderá se basear para resolver alguns problemas.

 

Command Shell: É uma console que permite executar scripts baseados no Windows PowerShell, esta funcionalidade ajuda e muito quando precisamos automatizar tarefas do dia-a-dia.

Fonte: http://www.juliobattisti.com.br/tutoriais/clebermarques/scom_003.asp

   

Leave a Reply

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.