Home Tutoriais Sistemas Operacionais Criando bibliotecas no Windows 8


O recurso de Bibliotecas, surgido no Windows 7,permite reunir em um lugar só,o conteúdo de várias pastas facilitando assim o gerenciamento de arquivos. Além de usar as bibliotecas que já vêm com o Windows, o usuário pode criar e personalizar suas próprias bibliotecas. No Windows 8 essa tarefa ficou mais fácil.

Abra o Windows Explorer e, no painel de navegação, situado do lado esquerdo da janela, clique em Bibliotecas.

Abra a guia Início da faixa de opções, clique na opção Novo item e por fim clique em Biblioteca. A nova biblioteca será criada com um espaço para nomeá-la.

Ao selecioná-la, uma nova guia, chamada Ferramentas de Biblioteca aparecerá na faixa de opções, com todos os comandos relacionados à biblioteca selecionada.

Ao clicar em Gerenciar biblioteca o usuário poderá escolher quais pastas farão parte dela. É possível adicionar até 50 pastas em uma biblioteca. Basta utilizar o botão Adicionar para incluir uma pasta ou Remover para excluir.

Ao clicar com o botão direito do mouse sobre uma das pastas recém-adicionadas, o usuário terá acesso a duas opções extras para definir qual será a pasta padrão e qual será a pasta pública. Funciona assim: ao arrastar um item para o ícone de uma biblioteca, esse item ficará armazenado na pasta definida como local padrão. Se um outro usuário tiver acesso à sua biblioteca, ele acessará, na verdade, a pasta definida como local público. É possível ainda alterar a ordem em que os itens serão exibidos na biblioteca. Ao terminar, basta clicar em OK.

Após adicionar as primeiras pastas, a opção Definir local de salvamento fica disponível na faixa de opções permitindo ao usuário alterar rapidamente o local padrão e o local público da biblioteca.

É possível alterar a maneira que a biblioteca exibe as informações sobre os arquivos com foco a um determinado tipo de arquivo através da opção Otimizar biblioteca para. Dentre as opções estão DocumentosImagensMúsicasVídeos ou Itens gerais.

O usuário poderá utilizar um ícone de sua escolha para facilitar a identificação da biblioteca. Basta clicar emAlterar ícone e escolher o ícone desejado.

O usuário também poderá decidir se a biblioteca deve ou não ser mostrada no painel de navegação do Windows Explorer. Para isso basta clicar em Mostrar no painel de navegação.

Por fim há a opção Restaurar configurações, que desfaz as personalizações e retorna a biblioteca para sua configurações padrão.

 

Considerações finais

Embora o funcionamento das bibliotecas do Windows 8 seja exatamente igual ao do Windows 7, a nova faixa de opções do Windows Explorer deixou as configurações centralizadas e em um local de fácil alcance. Dessa maneira, criar e gerenciar bibliotecas se tornou uma tarefa muito mais ágil e intuitiva.

Fonte: http://www.baboo.com.br/2012/06/criando-bibliotecas-no-windows-8/

   

Leave a Reply

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.