Home Tutoriais Sistemas Operacionais Movendo mailboxes através de um CSV no Exchange Server 2013


Para este tutorial nós queremos mover todos os usuários de uma database para uma nova database, para evitarmos o trabalho de ficar digitando dados de usuários num CSV.

Quando clicamos em mailboxes vamos ter uma lista geral de todas mailboxes, no entanto vamos utilizar as vantagens do produto para fazer uma query com somente as mailboxes que precisamos mover, para começar vamos clicar em recipients e depois em mailboxes e vamos clicar em … e depois vamos clicar em Advanced Search…

Vamos adicionar uma Condition e vamos colocar Database e vamos escolher a databasem que vai ser onde os usuários que nós desejamos migrar estão com suas respectivas mailboxes. Caso vocês tenham outro critério para a pesquisa, fiquem a vontade. Feito a procura vamos clicar em OK.

Agora na tela principal vamos ter soment as mailboxes que estão na database especificada na nossa pesquisa, vamos clicar novamente em … e vamos clicar agora em Export data to a CSV file

Na nova janela que se abre vamos clicar somente em EMAIL Address e vamos clicar em Export

Vamos salvar o arquivo no Desktop e vamos nomea-lo como MoveMailbox.CSV

Vamos abrir o arquivo e remover os espaços na primeira linha como também qualquer linha em branco (incluse no final do arquivo) e o mesmo deverá se parecer com o mostrado na figura abaixo.

Agora vamos até migration e vamos clicar no símbolo de adição (+) e vamos clicar em Move to a different database

Na página Select Users. Na nova janela que se abre vamos clicar em Specify the users with a CSV file e vamos clicar em browse e selecionar o arquivo CSV que acabamos de alterar, feito isso clique em Next.

Na página Move Configuration. Podemos colocar um nome para o processo de migração destes usuários, em nosso caso vamos colocar POA-Migration e também podemos decidir o que vamos fazer com o Archive dos usuários em questão, podemos também especificar (nas opções avançadas) o número de ítems corrompidos e também o número de ítems grandes (isso é especificado na database, para o Office365 o limite é 35MB)

Na página start the batch. Podemos especificar qual caixa irá receber uma mensagem quando o processo for terminado e também se vamos iniciar a sincronização automaticamente ou será manual e a última opção automatically complete the migration batch é onde decidimos quando vamos fazer a migração propriamente dita, sem esta opção marcada estamos soment sincronizando.

Nota: um detalhe importante é que no Exchange Server 2013 por padrão as migrações usam a opçãoAllowIncrementalSync o que basicamente faz uma validagem no que foi mudado na caixa de origem a cada 24 horas e atualiza a futura caixa de destino. Com isso se deixarmos uma caixa num batch de migração por 3 semanas, o processo final não vai ter tanta mudança.

Depois de criar o grupo de migração vamos ter o mesmo listado em migration e um status será mostrado, podemos clicar no botão Refresh para atualizar os números.

No final do processo o administrator receberá um e-mail dizendo que o procedimento foi completado com sucesso.

Fonte: http://www.andersonpatricio.org/Tutoriais/Tutoriais.asp?Tut=2025

   

Leave a Reply

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.