Home Tutoriais Marketing Digital Popularidade de um site web


O que faz um domínio ser um grande domínio? Como saber se o nome de domínio que estou pensando em comprar ou registrar é realmente adequado para mim? É muito fácil, só há de ter em conta estas sete regras de ouro.

  1. Coloque-o fácil.  Esta é a grande regra básica no mundo dos domínios em particular e no de marketing e comunicação em geral. Nenhum publicitário se esquece a conhecida regra KISS (Keep It Simple Stupid) e a partir disso, nosso nome de domínio é a primeira forma de divulgar nosso negócio na rede.

    Temos que tentar fazer com que o nome de nosso domínio seja fácil de ser lembrado ao usuário. O motivo é bem simples. Imaginemo-nos navegando pela rede, e encontramos duas páginas que realmente gostamos: eco.com e emeronion.com. Qual a mais provável que voltemos a visitar?

  2. O breve…duas vezes bom. A frase se cumpre no mundo dos domínios. Quanto menos caracteres tenha um nome, muito mais fácil de lembrar e também mais cômodo e rápido de teclar. Infelizmente estes domínios são já muito escassos. O 100% dos domínios com três caracteres ou menos, já está registrado faz tempo. Comprá-los pode ser uma solução, mas os domínios breves são, sem dúvida, os mais valiosos pela escassez e portanto, os mais caros.
  3. Dando sentido. Vários estudos tem demonstrado, que as palavras com significado são lembradas praticamente em 80% mais que aquelas que não o tem. Buscar um nome que realmente diga algo pode ser complicado, mas vale a pena. É certo que existem empresas como Yahoo que conseguiram grandes resultados com um nome sem significado, mas quanto dinheiro tiveram que inverter em publicidade?
  4. Sem confusão. Um dos problemas comuns os quais encontram as empresas de internet é o do tráfico desviado da sua página por causa de um erro de teclagem por parte do usuário. Os jogos de palavras engenhosos podem ser muito divertidos e úteis para captar a atenção, mas em geral, são poucos efetivos na rede e muito menos se utilizamos números e traçados. O significado do domínio “love-2u.com” pode ser muito simples mas o usuário se encontrará na dúvida em se deveria escrever “lovetoyou.com” ou “loveto-u.com” ou quem sabe quantas combinações mais.
  5. Somos.com? Na hora de escolher uma extensão para nosso domínio o dilema é o seguinte: Qual domínio se adapta melhor ao nosso mercado? É claro que de fato na rede, o padrão é o .com. Esta é sem dúvida a extensão mais cobiçada. Mas se não operamos a nível internacional, também pode ser uma boa idéia pensar nos domínios regionais de nosso campo de atuação: .br, .com.es, com.mx, etc…

    Outra alternativa são as extensões .net e .org consolidadas desde muito tempo mesmo que com menos saída que a .com. Se decidimos ter um pouco de paciência, também podemos apostar pelos .info ou .biz que, mesmo tendo ainda pouca implantação, prometem ser importantes no futuro.

  6. O que se diz do que fazemos? Ajustar o nome de nosso domínio a nossa atividade é muito conveniente para conseguir que o usuário nos associe com um determinado produto ou serviço, e desse modo, se pode lembrar de nós cada vez que o necessite. Calor.com talvez seja um grande nome de domínio, mas se o negócio para que o utilizamos é de uma loja de sapatos on-line, provavelmente não será de muita utilidade para nós.
  7. Sem leituras pejorativas. O último aspecto a ser levado em conta na hora de escolher um domínio, são as conotações associadas ao nome que escolhemos. É importante assegurar-se de que nosso domínio não tem conotações negativas que possam ficar associados a nossos produtos. E se operamos em plano internacional temos que asseguramos de que isso não acontece com nossa língua e nem com o resto que possamos considerar importantes para o nosso negócio. Por exemplo, “istocheira.com ” não seria precisamente a escolha mais adequada para nossa loja de perfumes.

Fonte: http://www.criarweb.com/artigos/52.php

   

Leave a Reply

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.