Home Tutoriais Redes Protocolos e serviços DNS


Neste artigo vamos ver os protocolos e serviços mais utilizados dentro da camada de aplicação, prestando atenção a um dos serviços mais importantes na Rede, como são os servidores de nomes ou DNS. Começaremos dando uma lista dos protocolos considerados como principais:

  • Sistema de nomes de domínios, comumente chamado DNS
  • Protocolo de transferencia de hipertexto (HTTP)
  • Protocolo simples de transferência de correio (SMTP)
  • Protocolo de escritório de correios (POP)
  • Protocolo de transferência de arquivos (FTP)
Nota: Como dizia, há mais protocolos e serviços, mas estes são os importantes.

Neste manual veremos descrições de cada um destes serviços e protocolos. De momento, neste artigo vamos começar a falar sobre tudo relacionado com os DNS.

Serviço e protocolo DNS

Em todas as redes, os dispositivos têm atribuída uma etiqueta numérica, chamada IP. Por ser complicado recordar tantas etiquetas numéricas, foram criados os chamados nomes de domínio (DNS) que nos associam essas IPs com um nome simples de recordar pelos humanos.

Por exemplo, é mais fácil recordar um nome como www.criarweb.com do que 192.25.169.122. Ademais, se por algum problema tivéssemos que mudar de servidor e a IP mudara, o nome do domínio pode continuar sendo o mesmo e dirigir à IP correta com apenas associá-la à nova. Resumindo, o DNS foi criado para facilitar o reconhecimento de redes, domínios, etc.

O protocolo DNS define um serviço que coincide com nomes de recursos que têm o mesmo endereço IP solicitadoAs comunicações do protocolo DNS utilizam um formato simples chamado mensagem. Esta mensagem se utiliza para todas as ações que realiza o protocolo.

O serviço DNS tem uma arquitetura cliente-servidor, embora tenha que destacar que se executa por si só sem necessidade de uma aplicação determinada. Resumindo, por si só oferece um serviço a outras aplicações que o exijam.

Depois de ver o que é e como funciona um DNS em linhas gerais, podemos entender por que quando nos conectamos em rede nos pede servidores DNS. Estes são para facilitar o roteamento da informação e as solicitações de endereços de Internet.

Formato da mensagem DNS

A comunicação cliente/servidor do protocolo DNS, ou mensagem, tem um formato como se pode ver a continuação: Cabeçalho – pergunta – resposta – autoridade – adicional

  1. Pergunta: a pergunta para o servidor de nomes
  2. Resposta: registros de recursos que respondem à pergunta
  3. Autoridade: registros de recursos que apontam uma autoridade
  4. Adicional: registros de recursos que possuam informação adicional

 

Hierarquia em DNS

O sistema de nomes de domínio (DNS) utiliza um sistema hierárquico para criar uma base de dados para proporcionar uma resolução de nomes otimizada.

Na parte superior, os servidores raiz têm registros que lhes indicam como alcançar os servidores de níveis inferiores e assim sucessivamente.

Vejamos um exemplo: nós queremos acessar uma pagina italiana a partir da Espanha. Bem, nosso DNS primeiro buscará a URL em listas de IPs espanholas e não encontrando, passará ao nível seguinte para buscá-lo dentro de outra lista de IPs e assim sucessivamente até dar com a correta.

Às vezes um DNS não encontra a IP solicitada e se vê obrigado a pedir ajuda a outros servidores, que atuaram da mesma forma que o primeiro. Isto forma uma grande rede de servidores de DNS que são os encarregados realmente de que Internet funcione corretamente visando aos usuários e suas solicitações.

Espero que você tenha entendido um pouco melhor o que é um servidor DNS. No artigo seguinte veremos os protocolos e serviços HTTP y WWW, algo que certamente interessará vocês bastante, já que tem muito a ver que ver com o mundo das páginas web.

Fonte: http://www.criarweb.com/artigos/protocolo-servicos-dns.html

   

Leave a Reply

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.