Home Tutoriais Sistemas Operacionais Sete dicas para o teclado virtual do Windows 8


Em tablets e outros dispositivos cuja tela sensível ao toque seja o único dispositivo de entrada, um bom teclado virtual é fundamental na hora de digitar textos. O teclado virtual do Windows existe desde o Windows ME, quando ainda era chamado de “Teclado na tela” ou simplesmente “OSK” – do inglêsOn-Screen Keyboard. Nessa época, sua função principal era servir de ferramenta de acessibilidade, que permitia que pessoas com dificuldades motoras utilizassem o mouse para digitar, além de outras utilidades.

No Windows 8, ele passou a ser referido como “Teclado Virtual”, e foi totalmente reformulado para deixar mais confortável a digitação em telas sensíveis ao toque. Confira a seguir algumas dicas para tirar melhor proveito desse recurso.

1. Números e símbolos

A tela principal do teclado virtual mostra apenas as teclas alfabéticas. Para utilizar numerais e símbolos basta acionar a tecla &123 a fim de exibir o teclado numérico e um teclado exclusivo para sinais de pontuação. As teclas de setas à direita e à esquerda exibem mais símbolos.

2. Acentuando vogais

Na visão principal do teclado, as teclas de acentuação não estão presentes, mesmo no layout em português. Mas não é necessário ir longe para encontrá-las. Apenas mantenha pressionada a letra que você deseja acentuar e várias opções de acentuação aparecerão em volta dela. O mesmo vale para alguns sinais de pontuação.

3. Atalhos de teclado com a tecla Ctrl

Ao pressionar a tecla Ctrl, o próprio teclado exibirá que ações serão possíveis executar ao pressioná-la em combinação com outras teclas.

4. Digitando com os polegares

É possível alterar o layout das teclas de modo a dividir o teclado em duas partes, fazendo com que parte das teclas fique na extremidade direita da tela e outra parte à esquerda. Esse layout é bastante útil em tablets, pois permite que o usuário digite ao mesmo tempo em que segura o dispositivo com as duas mãos.

Para ativar esse modo, basta pressionar a tecla situada logo abaixo da tecla Shift e escolher a segunda opção. Para ajustar o tamanho do teclado basta arrastar os pontos situados próximo à barra de espaço.

5. Reconhecimento de escrita

Se desejar, o usuário pode “escrever” na tela ao invés de digitar. Para isso basta pressionar a tecla situada abaixo da tecla Shift e escolher a terceira opção.

6. Emoticons e desenhos

Através da tecla à esquerda da barra de espaços é possível adicionar diversos emoticons e outros caracteres Unicode. Na parte inferior do teclado é possível escolher o tema dos desenhos.

7. Exibindo o teclado virtual no desktop

O teclado virtual continua disponível também para usuários de desktop. Para exibi-lo, basta clicar com o botão direito do mouse na barra de tarefas, apontar para Barras de ferramentas e marcar a opção Teclado Virtual. Um novo ícone aparecerá próximo à área de notificação. Basta clicar sobre ele para exibir ou ocultar o teclado virtual.

Fonte: http://www.baboo.com.br/2012/07/sete-dicas-para-o-teclado-virtual-do-windows-8/

   

Leave a Reply

This blog is kept spam free by WP-SpamFree.